(51) 3212.3798     /DallagnolAdvogados    

Declarada improcedência de duas ações contra ex-prefeito Ary Vanazzi

 

A juíza da 2ª Vara Cível de São Leopoldo julgou improcedente a ação civil pública, movida pelo Ministério Público, contra o ex-prefeito de São Leopoldo Ary José Vanazzi e outros servidores, por irregularidade na Diretoria Municipal de Políticas Públicas de Promoção e Igualdade Racial, em 2010.

A sentença reconhece que os servidores nomeados para o desempenho daquelas funções, de fato, realizaram o trabalho para o qual foram designados, reconhecendo a efetividade de ações em prol da conscientização da sociedade sobre a problemática racial. Também em relação ao então prefeito Ary Vanazzi, não restou reconhecido nenhum ato de improbidade administrativa.

Em outra ação civil pública, de acusação de ofensa ao princípio da impessoalidade ao nomear um servidor na Secretaria Municipal de Meio Ambiente, a 4ª Vara Civil de São Leopoldo julgou improcedente a ação ajuizada pelo Ministério Público, em 2012.

A defesa de Ari Vanazzi nos dois processos foi patrocinada pelo escritório Dallagnol Advogados Associados. Das decisões cabe recurso ao TJRS.

 

Assessoria de Comunicação
Dallagnol Advogados Associados